Home-SliderNotíciaNotícias

2018 já é ano Vintage… de bacalhau

By 28 Novembro, 2018 Sem comentários

Vítor Lucas, Diogo Rocha, Gil Raposo e Joselito Lucas

Texto: Mariana Lopes

De bacalhau está o país cheio, mas não de Lugrade Vintage. Novembro foi o mês de mais um lançamento do topo de gama da empresa coimbrense de cura e transformação de bacalhau. No hotel Sheraton, em Lisboa, exactamente um mês antes do Natal, o Bacalhau Cura Vintage 2018 foi apresentado num jantar conduzido pelos chefs Gil Raposo e Diogo Rocha, embaixador Lugrade, e harmonizado com vinhos Magnum – Carlos Lucas. A acompanhar o peixe de luxo, como é tradição, esteve também um azeite sublime e exclusivo, loteado por José Gouveia, professor universitário e grande especialista na matéria.
O Bacalhau Vintage 2018, de edição limitada a 4100 exemplares protegidos com selo de autenticidade, foi pescado na Baía de Keflavik, no sudoeste da Islândia. Tem uma cura de 20 meses, feita com 21% de sal, sendo sempre guardado desde a desova do ano anterior (Fevereiro) até Dezembro do seguinte, e pesando 3,5kg, quando seco. É um bacalhau intenso e de textura super-macia, pois a oxidação a que é sujeito quebra as suas fibras, mas ao mesmo tempo muito delicado e saboroso, com uma superfície que acaricia suavemente as papilas gustativas.
Cada peça de bacalhau vendida, que pesa cerca de 3,5kg, será acompanhada de uma pequena lata do Azeite Virgem Extra Premium HVA.

Escreva um comentário