NotíciaNotícias

AMPV homenageou personalidades no seu 11º aniversário

A Associação de Municípios Portugueses do Vinho (AMPV) comemorou o 11º aniversário no com uma gala no Centro Cultural do Cartaxo. Na abertura da cerimónia, o presidente da AMPV, Pedro Magalhães Ribeiro, começou por enaltecer “o extraordinário trabalho” desenvolvido pelas autarquias, juntamente com os produtores e operadores de turismo, na afirmação do vinho e dos territórios e na afirmação da própria associação, que hoje representa mais de três milhões de portugueses, abarcando cerca de um terço do território nacional.

“Grande parte desta área é território rural, que tem potencialidades extraordinárias. Temos factores de diferenciação que nos dão potencial de desenvolvimento. Por isso, temos em mão uma grande missão, desenvolver os territórios, e com isso atrair população mais jovem, com vontade de inovar e abraçar novos desafios”, referiu, reforçando que “o vinho e a gastronomia continuam a ser os principais factores para trazer turistas ao nosso país”.

Ana Mendes Godinho, Secretária de Estado do Turismo, reforçou esta ideia: “o turismo não existiria hoje se não houvesse vinho, que é o grande embaixador de marca no mundo e grande factor de atracção: 2,5 milhões de turistas vêm a Portugal atraídos pelo enoturismo e 80% dos que nos visitam dizem que irão voltar pela gastronomia e pelos nossos vinhos”.

Ana Mendes Godinho

Ana Mendes Godinho, Secretária de Estado do Turismo, foi “Personalidade do Ano”

A governante acabou por ser uma das agraciadas na cerimónia, recolhendo o prémio Personalidade do Ano. Mas não foi a única: a homenagem da noite foi para Vasco d’Avillez, actual presidente da Comissão Vitivinícola da Região de Lisboa e com uma longa carreira na fileira do vinho, incluindo uma passagem pela direcção da ViniPortugal. O prémio foi-lhe entregue pelo Secretário de Estado da Agricultura, Luís Medeiros Vieira. Vasco d’Avillez é ainda um dos Embaixadores da “Cidade Europeia do Vinho 2018”. A distinção, atribuída anualmente pela Rede Europeia das Cidades do Vinho, está entregue aos concelhos de Torres Vedras e Alenquer durante este ano. José Bento dos Santos, da Quinta Monte d’Oiro, José Luís Oliveira e Silva, da Casa Santos Lima, e Sandra Tavares da Silva, enóloga da Quinta da Chocapalha, são as personalidades ligadas ao mundo do vinho que integram o grupo de Embaixadores, que foi apresentado no Palácio Chiado, em Lisboa, e que contou ainda com a presença de José Arruda, secretário-geral da AMPV.

Voltando à cerimónia, as distinções abrangeram ainda o presidente do Instituto da Vinha e do Vinho, Frederico Falcão, o presidente da Recevin – Rede Europeia das Cidades do Vinho, José Calixto, o presidente da Associação Nacional das Denominações de Origem Vitivinícolas, Manuel Pinheiro, o presidente da Federação das Confrarias Báquicas, Pedro Castro Rego, a presidente da Federação Portuguesa das Confrarias Gastronómicas, Olga Cavaleiro, entre muitos outros.

Os Prémios Prestígio distinguiram, na categoria de Revelação, Ana Sofia Fonseca, realizadora do filme “Setembro A Vida Inteira”, que foi exibido numa sessão especial integrada nas comemorações do 11º aniversário da AMPV. Na categoria de Enoturismo, o prémio foi entregue à Iter Vitis – Os Caminhos da Vinha na Europa e a categoria Museus do Vinho reconheceu o trabalho desenvolvido pelo Museu do Alvarinho de Monção. O prémio Entidade do Ano foi entregue à ViniPortugal.

Nesta gala, a AMPV homenageou ainda, a título póstumo, Carlos Silva e Sousa, ex-presidente da Câmara Municipal de Albufeira, que faleceu em Fevereiro deste ano, aos 60 anos.