A organização das 7 Maravilhas de Portugal acaba de divulgar o tema da eleição de 2018: 7 Maravilhas à Mesa é a sétima eleição realizada em Portugal, promovendo os patrimónios que marcam a nossa identidade nacional. O projeto já arrancou, com a fase de candidaturas a abrir a 17 de Novembro.

“Era inevitável que as 7 Maravilhas acabassem por entrar no território dos vinhos, que são fator diferenciador incontornável na promoção de Portugal além fronteiras, e regressar ao universo da gastronomia, que já elegemos em 2011 e que agora abre todo um novo leque de oportunidades de promoção ao ser aliado aos vinhos e aos roteiros e experiências que tornam a nossa mesa única no mundo”, assumiu Luís Segadães, presidente das 7 Maravilhas no lançamento oficial do projeto.

Esta eleição vai promover a verdadeira experiência de comer e beber a uma mesa portuguesa, razão pela qual somos cada vez mais um destino turístico de referência. As candidaturas a concurso serão as “mesas”, mas num conceito alargado, que inclui o melhor que uma região tem para oferecer: os seus pratos, vinhos, pão, azeite ou queijos, mas também aquilo que pode ser experienciado, como um evento, uma adega, um lagar, um museu ou um percurso pedestre.

O processo segue o percurso de anos anteriores, com a votação de um painel de especialistas que analisarão as candidaturas para elaborarem uma lista de 49 pré-finalistas, 7 de cada região. São estas 49 mesas pré-finalistas que vão ser votadas pelo público, para eleger as 7 Maravilhas à Mesa, uma por cada uma das 7 grandes regiões de Portugal, num roteiro único.

 

Deixe o seu comentário

Please enter your comment!
Please enter your name here