NotíciaNotícias

Cinco décadas num Tawny especial da Barros

A Barros está a lançar no mercado a edição limitada, numerada e exclusiva de um Vinho do Porto Tawny muito especial, que resulta de um lote de vinhos antigos das décadas de 1950, ’60, ’70, ’80 e ’90. O vinho chama-se Barros Edição Especial 102 – Very Old Tawny” e completa a trilogia de vinhos da coleção “Um Século de Talento Português”, que pretende celebrar o primeiro centenário da Casa Barros, fundada em 1913.

E são exactamente 1.913 as garrafas disponíveis deste vinho. Carlos Alves, enólogo para Vinhos do Porto da Sogevinus Fine Wines, responsável pelo lote final, caracteriza-o como “sedoso, elegante e sofisticado, com final profundo que alia frutos secos, caril e uma excelente frescura”.

Os vinhos que estão na origem do Barros Edição Especial 102 permaneceram em pequenos cascos de carvalho, de 300 litros, nos armazéns da Barros, em Vila Nova de Gaia. O lote foi realizado com os cascos 11.080, 11.083, 11.086, 11.133 e 11.134 e apresenta-se numa garrafa de vidro especial, que desde logo permite captar a cor do vinho. O rótulo está serigrafado a branco e a ouro, a gargantilha surge estampada a ouro e possui o número da garrafa. Surge envolto numa caixa de madeira maciça (mogno), com berço amovível para poder ser usado como mostrador. A caixa está serigrafada a prata, tem baixo relevo e estampagem a preto do número “102”, tendo marcação a fogo da edição na lateral. O preço no retalho rondará os €350.