Home-SliderNotíciaNotícias

Lisboa entrega prémios e vai dinamizar Rota de Vinhos

By 21 de Setembro, 2018 Sem comentários

(na foto, José Sá Fernandes, vereador da C. M. de Lisboa, Bernardo Gouvêa, presidente da CVR de Lisboa e José Luis Oliveira da Silva, da Casa Santos Lima.)

É já uma tradição anual a região de Lisboa reunir um conjunto de jurados para avaliar um leque variado de vinhos da região. O Concurso Vinhos de Lisboa já decorreu em Julho e os vencedores foram anunciados na altura (ver nesta página), mas só agora os premiados foram publicamente agraciados numa cerimónia que decorreu nos Paços do Concelho da Câmara Municipal de Lisboa. Recorde-se que na edição deste ano participaram 150 vinhos e que os jurados elegeram 34 medalhas de ouro e 14 medalhas de prata. O concurso foi organizado pela Comissão Vitivinícola da Região de Lisboa (CVR Lisboa) e pela Confraria dos Enófilos da Estremadura – Vinhos de Lisboa.
Dos oradores na cerimónia destacamos José Sá Fernandes, vereador da Câmara Municipal de Lisboa, que se mostrou disponível, enquanto organização, a dar ajuda à promoção da região. No entanto, o distrito de Lisboa engloba produtores de duas regiões vizinhas, do Tejo e da Península de Setúbal. “Se for preciso, promovemos todos”, disse Sá Fernandes. E acrescentou: “cada vinho de Lisboa aberto no estrangeiro é um cartão de visita para Lisboa; ora, neste momento já foram abertas dezenas de milhões de garrafas por esse mundo fora”. Sá Fernandes exortou ao consenso entre todos os envolvidos, coisa que parece não ter ainda acontecido.
Bernardo Gouvêa, o novo presidente da CVR de Lisboa, também exaltou a performance da região no último ano, que tem crescido constantemente em termos de vinhos certificados; no último semestre o ganho foi de 24% (face ao período homólogo de 2017), com 18 milhões de litros. Das medidas que a CVR quer tomar nos tempos mais próximos inclui-se, segundo Bernardo Gouvêa, a dinamização da Rota dos Vinhos de Lisboa.

Escreva um comentário