Notícias Vinho

Juvé & Camps: Um Cava de grande nível

By 29 de Janeiro, 2019 Sem comentários

Cava é um espumante espanhol feito pelo método tradicional que implica segunda fermentação em garrafa. Contudo é diferente do Champagne em termos do clima, castas e regras de produção. Juvé & Camps evidencia-se como um dos mais clássicos e prestigiados Cavas da Catalunha, disponível em Portugal através da distribuidora Garcias.

TEXTO Valéria Zeferino
FOTOS Cortesia do produtor

Embora seja uma denominação de origem (DO Cava), a produção não é restrita a apenas uma area geográfica, ou seja, Cava pode ser produzido em várias regiões de Espanha, como por exemplo: Rioja, Aragon, Valência, Navarra e País Basco. No entanto, mais de 90% de Cava é proveniente da Catalunha, sendo Penedès a região mais importante para a sua produção.
Juvé & Camps é uma empresa familiar espanhola produtora de Cava e vinhos tranquilos, cujo reconhecimento se deve sobretudo à qualidade dos seus Cavas. Possui uma vinha há mais de 200 anos, mas só em 1921 lançou espumantes com marca própria. Naquela altura o termo “Cava” ainda não existia, e foi adotado mais tarde em 1970, quando se deixou de utilizar a palavra “Champagña”. Actualmente, a empresa é dirigida pela quarta geração da família.
A propriedade conta com 210 hectares de vinha e fica situada em Alto Penedès, onde as temperaturas são mais frescas graças à altitude de 300 a 800 metros acima do mar. Desde 2015 tem certificação biológica.

A empresa aposta em Cavas de qualidade, com estágios habitualmente mais prolongados do que o estabelecido pela regulamentação, tendo no seu portefólio sobretudo Brut e Brut Nature e categorias Reserva e Gran Reserva. Segundo o representante da Juvé & Camps, Henrique Durandez, anualmente em Espanha produzem-se 250 milhões de garrafas de Cava, das quais apenas 4.800 garrafas de Grande Reserva, e destas 40% são produzidas pela Juvé & Camps. Para obter Cavas mais finos e delicados, utilizam exclusivamente mosto lágrima para o vinho base, tudo o que vem da prensa é vendido a outros produtores.
Tradicionalmente, Cava é feita com as três principais castas brancas autóctones – Macabeo, Xarel-lo e Parellada. São também autorizadas Subirat, Garnacha, Monastrell, Trepat e ainda castas internacionais como Chardonnay e Pinot Noir. Juvé & Camps foi a primeira a fazer um blanc de blancs de Chardonnay em 1999, quando a regulamentação permitiu esta possibilidade, avançando com um rosé só de Pinot Noir em 2011.
Em prova tivemos quatro vinhos, bem distintos entre si. O Pinot Noir rosé é o único rosé no portefólio da Juvé & Camps feito 100% de Pinot Noir. Estagia 12 meses (mais tempo do que os 9 meses previstos pela legislação) até ao dégorgement. O Chardonnay Reserva começou a ser produzido em 1999, quando foi autorizada a utilização de castas internacionais para a produção de Cava. Só o fazem nos melhores anos e o tempo de estágio é de 24 meses (muito superior aos 15 meses estabelecidos para Cava Reserva).

Castas tradicionais de Cava

Macabeo (também chamada Viura em Rioja) é uma casta quase neutra de aromas e resistente à oxidação. Normalmente, é a casta predominante em Cavas.
Xarel-lo tem um excelente equilíbrio de açúcar e acidez, também resiste bem à oxidação e confere ao vinho aromas vivamente citrinos e uma característica terrosidade.
Parellada mostra o seu melhor quando plantada em altitude acima de 300m para desenvolver aromas e preservar acidez. Adiciona ao lote aromas florais e de maçã verde.

O Reserva de la Família tem uma história curiosa. Este Cava Brut Nature foi criado em 1976 para consumo próprio da família, porque o mercado naquela altura ainda preferia espumantes meio-secos, mas rapidamente ganhou grande popularidade e hoje representa um ícone da casa. Na família havia o hábito de fechar as garrafas deste espumante não com tradicional muselet de arame, mas com uma espécie de agrafo de ferro (que supostamente era mais rápido de tirar). Este sistema mantém-se apenas para as garrafas vendidas em Espanha e em Portugal, sendo utilizado o muselet normal para o resto do mundo. Feito de castas tradicionais, com Xarel-lo a representar 60% do lote, Macabeo 30% e Parellada 10%. Até ao dégorgement estagia com borras na garrafa durante 36 meses (o mínimo de estágio para Gran Reserva é de 30 meses).
Finalmente, o Gran Juvé & Camps resulta de uma parceria de castas tradicionais com uma casta internacional. Xarel-lo é responsável por 40% do lote, conferindo os aromas, Chardonnay e Macabeu em partes iguais de 25% para dar a cremosidade e estrutura e 10% de Parellada, que adiciona acidez. Passou mais de 40 mesess com borras na garrafa até ao dégorgement.
No conjunto, estes quatro espumantes são dignos representantes do carácter do Cava catalão, e evidenciam bem o estilo da tradicional casa Juvé & Camps.

  • Gran Juvé & Camps Cava
    Espanha, Gran Reserva, Branco, 2013

    17.5
    guarda inclinada
    *PVP médio indicado pelo produtor
  • Juvé & Camps Cava
    Espanha, Pinot Noir, Rosé,

    16
    guarda em pé
    *PVP médio indicado pelo produtor
  • Juvé & Camps Milesimé Cava
    Espanha, Chardonnay, Reserva, Branco, 2015

    17
    guarda em pé
    *PVP médio indicado pelo produtor
  • Juvé & Camps Reserva de la Familia Cava Brut Nature
    Espanha, Gran Reserva, Branco, 2014

    17
    guarda em pé
    *PVP médio indicado pelo produtor

Edição Nº17, Setembro 2018

Escreva um comentário